26.10.07


21.10.07


CLUBE SANTANA, esta manhã

18.10.07

video

14.10.07

SÃO TOMÉ E PRÍNCIPE ADORMEÇA O VÍRUS... E A PREVENÇÃO COM ELE

SÃO TOMÉ E PRÍNCIPE ADORMEÇA O VÍRUS... E A PREVENÇÃO COM ELE

04-10-2007- Dorviro-Sida: Adormeça o HIV. Este o nome da nova erva medicinal anti-Sida produzida por Amâncio Valentim, presidente da Associação da Medicina Tradicional em São Tomé e Príncipe, o minúsculo arquipélago na costa do Gabão. Três colheres de mesa do xarope acastanhado tomado todos os dias antes das refeições reduzirá a carga viral e fará com que os doentes se sintam melhor, diz ele. "A Sida não tem cura e eu não tenho prova cientíํfica de que o meu medicamento cura a Sida", Valentim apressa-se a explicar. "Mas os quatro pacientes seropositivos que o tomaram por quatro anos agora testaram negativos." Contudo, ele não pode mostrar nenhum teste, nem os pacientes, por causa da confidencialidade.

ver mais em www.jornaltropical.st

A FERRAMENTA DA COMPRATIVA


http://www.youtube.com/watch?v=CbxGF7ZhHDM&eurl=http%3A%2F%2Fwidget%2Dec%2Eslide%2Ecom%2Fwidgets%2Fsf%2Eswf

13.10.07


Senupe, s.m. - ZOOLOGIA canídeo que habita no Bairro da Cooperação, pertencente à família do Rantanplan de Lucky Luke; exímio a correr à frente de gatos; o seu odor é talvez mais nefasto do que o do poderoso insecticida Rambo; lazarento (Do lat. senup- «cão»)

11.10.07

O caso dos "Ninjas" (notícia RTP)


"Ninjas" dão novo prazo ao governo são-tomense
Os "ninjas", polícias são-tomenses que desde segunda-feira ocupam o Comando Geral da corporação, reivindicando o pagamento pelo governo de subsídios alegadamente em falta, deram mais um prazo às autoridades, disse à agência Lusa o porta-voz do grupo.
Segundo o primeiro subchefe Wilson Quaresma, contactado telefonicamente pela Lusa a partir de Lisboa, o novo prazo acaba às 10:00 de sexta-feira (09:00 em Lisboa).
"Enviámos uma proposta que está a ser analisada pelo Conselho de Ministros e estamos à espera da resposta", disse.
A proposta não é nova e continua a ser a mesma que foi apresentada segunda-feira, ou seja, que o governo pague aos cem efectivos do Corpo de Intervenção, ou "ninjas" como são conhecidos em São Tomé, os 50 milhões de dobras (cerca de 2.600 euros) que alegadamente lhes são devidos e terão sido prometidos durante a formação em Angola, em 2003-2004.
"A nossa proposta é o pagamento (a cada um dos cem "ninjas") da verba mensal, 380 dólares (cerca de 260 euros) que nos foi prometida quando fizemos a formação em Angola", destacou.
Caso o governo vá ao encontro das reivindicações dos "ninjas" fica a faltar a construção do quartel, a segunda parte do pacote reivindicativo apresentado segunda-feira.
Relativamente ao início deste processo reivindicativo, a diferença relativamente a hoje é que os 12 oficiais, incluindo o comandante-geral da polícia são-tomense, já foram libertados, mantendo-se a ocupação do Comando Geral.
"O prazo para a resposta do governo termina às 10:00. Até lá continuamos a controlar o Comando Geral e os 12 comandos distritais distribuídos pelo país", salientou Wilson Quaresma.
Se o governo continuar sem ir ao encontro das pretensões dos polícias revoltosos, o que será feito a seguir será resultado de uma decisão colectiva.
"Se o governo não aceitar a proposta, depois dependerá de nós", limitou-se a dizer o porta-voz dos "ninjas", sem querer adiantar pormenores.

© 2007 LUSA - Agência de Notícias de Portugal, S.A.2007-10-11 20:10:02

7.10.07

Para a Minha Princesa Carlota...

Para quem não sabe, eu tenho duas princesas que fazem parte do conto de fadas que é a minha vida. Elas são irmãs, pequenitas... que se estão a transformar em granditas. Uma delas, a Carlotita, faz anos hoje, 06 de Outubro. Por isso queria, deixar-lhe aqui um enorme beijo cheio de amor e carinho. Embora separadas por uma grande distância, a lembrança e a memória estão sempre juntinho de quem gostamos e por isso especialmente para ti... porque sei que irás ler... um enorme beijo e um enorme abraço... apertado, apertadinho, como se eu estivesse aí a fazer aquelas figuras que nós sabemos. A memória é algo de maravilhoso, pois aquece o nosso coração mesmo que ele esteja longe e faz-nos estar perto mesmo quando tudo parece estar tão longe. Para ti, minha princesa, espero que te tornes numa rainha e que o teu reinado seja longo e repleto de sucesso.....


Muiitas beijoquinhas... deste Paraíso do Equador!


Com carinho e amor.




6.10.07

S.Tomé em Fotografias

Vejam o que descobri...

Tem imagens muito bonitas... do nosso "leve leve".

Entrem e espreitem...

http://viagemastomeprincipe.blogspot.com/2007_05_01_archive.html

3.10.07

A Grande Estreia...

A sala estava toda iluminada...

Ops... enganei-me. Esta é uma canção dos Trio de Odemira... da geração da minha mãe!



A sala estava sim, lotada! Seria impossível pôr mais gente lá dentro.

Uma MEGA estreia....

Goooooooooooooooooooooostei!!!!

2.10.07

Homenagem à Terra que me acolheu!

Olho os rostos que passam por mim nas ruas e perco-me nos olhos das gentes.
Olho vezes sem fim, as mesmas casas, dia após dia e não me canso de observar as suas fachadas e de ver nas entrelinhas dos traços uma mensagem de esperança.
Percorro as mesmas ruas sem me cansar das pedras, pois todos os dias, elas contam novas Estórias, de novas gentes, de sentimentos, que embora distantes estão aqui...
Redescubro os cantos e recantos como se neles já tivesse estado em vidas, passadas e sinto a melancolia de algo que não vivi, a nostalgia de sensações que não tive e a saudade de pessoas que não conheci.
Percorro com o meu olhar a corrida das crianças e sinto já ter feito o mesmo no preciso e exacto lugar com o mesmo desprendimento e a mesma intensidade de uma alma que ali pertence.
Olho as árvores altas e esguias ou possantes e entroncadas e sinto as suas raízes a entrelaçarem-se com as minhas, como a não me quererem deixar ir.
A brisa, toca-me o rosto desde sempre... eu reconheço-a. O calor que me afaga a pele por vezes de forma violenta quase que a queimando não me é estranho. O meu sangue conhece cada sinal desta ilha, cada mensagem escondida mesmo que me pareça desconhecida.
A sensação de sempre ter estado... sem nunca ter vivido. E como se uma outra vida já tivesse existido, uma vida que a minha alma reconhece a cada dia e a cada nova sensação que vivo...

S. Tomé
Fevereiro de 2006
A tua terra é Mágica!

DO QUE ÁFRICA PRECISA É DE BALOIÇOS!

criança são-tomense (Neves)
Hoje STP foi palco de mais uma acção de cooperação por parte de um país doador
(Gosto muito da palavra doador, que me faz sempre lembrar doação de órgãos).
Desta vez, o objecto da doação foram uns baloiços.
É nestas ideias simples acessíveis só a uns quantos que está a solução para África.
Espera-se com a medida que STP cresça já este ano acima da inflação (que não é tão baixa assim). Se a medida for alargada a toda a África, até pode ser que este continente deixe de representar somente 1% do PIB mundial.




Parabéns




É sempre difícil escolher uma prenda para oferecer,
Mais ainda quando se trata de alguém de quem gostamos…
Queremos que seja algo especial, único… que não cai no esquecimento.
Acho que é normal acontecer…
Possivelmente acontece com todos nós.

Assim, dentro dessa ‘normalidade’ eu procurei a prenda ideal para te oferecer.
Algo que reflectisse os teus gostos, a tua sensibilidade, a tua rebeldia e ao mesmo tempo a tua doçura… Muito complicado!

Depois algo que te fizesse lembrar de mim,
Enquanto pessoa ‘deambulatória’ pelo mesmo mundo que o teu…
Enquanto fala-barato, com imensa falta de sentido de oportunidade, mau feitio, sobretudo com uma imensa incapacidade de ser paciente…

Mais complicado ainda!!! Bastante mais! Impossível!
Poderia ter sido o 13º trabalho de Hércules… e cá entre nós… O gajo estava lixado!

Depois de muito pensar…
Achei que poderia oferecer-te a minha amizade…
Mas essa será suplantada por muitas outras e cairá no esquecimento fora de S. Tomé.
Pensei em oferecer-te o meu ombro para quando precisares….
Mas também esse encontrará substitutos noutros sítios e contextos diferentes.
Pensei na lealdade…
Mas até que ponto somos leais a nós mesmos para a oferecermos aos outros…acabaria por não ser justa.
Pensei nas memórias dos tempos passados e dos que ainda virão…
Mas esse baú fechar-se-á na rotina corrida e agitada dos dias e dias que passam nas tantas cidades que percorrerás, nos amores que viverás, nas saudades que sentirás, nas ausências que te acompanharão e na ânsia de novos e enriquecedores saberes.
Conclusão… o que te poderei eu realmente dar?
O que podemos dar a quem realmente gostamos, mesmo sabendo que o tempo se encarregará de nos fazer tropeçar no esquecimento…?

Eu não te posso dar nada…

Mas posso agradecer a dádiva de ter compartilhado contigo momentos, alegrias, tristezas, lágrimas e sorrisos. Posso dizer-te que admiro todas as mulheres lutadoras, conscientes de si próprias, ainda que teimosas, obstinadas e sobretudo firmes nas suas convicções. (Ou não gostaria de mim, sobretudo na parte da teimosia! Joking)

Todas essas mulheres merecem a minha admiração. Tu és uma delas.

Não te posso dar nada… apenas a incerteza do tempo e a intemporalidade das palavras.
Estas palavras são agora tuas!

"Estórias com História" - 03 de Outubro


A Guerra do Fogo


Ficha Técnica
SINOPSE:
Há 80.000 anos atrás erguia-se o alvorecer da Humanidade, o Homem pré-histórico sabia conservar o fogo oferecido pelos acasos da natureza, mas não criá-lo artificialmente. Nesta época cruel, o fogo assegurava a sobrevivência da espécie. As hordes organizavam-se em volta da sua força benfeitora, os que o possuiam, possuiam a vida.

INTERPRETAÇÃO:
Everett McGill, Ron Perlman, Nicholas Kadi, Rae Dawn Chong

REALIZAÇÃO:
Jean-Jacques Annaud

ARGUMENTO:
Gérard Brach segundo um romance de J.H. Rosny Sr.


PRODUÇÃO:
Véra Belmont, Jacques Dorfmann, Denis Héroux, John Kemeny

FOTOGRAFIA:
Claude AgostiniMÚSICA: Philippe Sarde

TRADUTOR:
Storyline Audiovisuais Lda. REALIZADOR Jean-Jacques Annaud

INTÉRPRETES:
Everett McGill, Ron Perlman, Nicholas Kadi, Rae Dawn Chong.


 
Site Meter